Ministério da Cultura apresenta
Home
Proposta do Evento
Um pouco sobre o Ruy
Agenda de Encontros
Álbum de fotos
Colunas do Ruy
Livros
Eu Fui!
Conheça a equipe
Imprensa
Sugira um convidado
Faça contato conosco
Livro - Encontros com o Professor - Cultura Brasileira em Entrevista - Volumes I, II, III,
IV , V, VI e VII
Ver todos

  


Ouça o Encontros na
Rádio CBN 1340.
Aos sábados, às 10h,
e segundas-feiras, às 14h.

 
 
Colunas do Ruy

Cadastre-se e receba as colunas do Ruy.

Seu nome
Seu e-mail

Desejo receber novidades
no e-mail informado acima.

03/03/2011

Perder um amigo
Perder um amigo é como amputar o braço, nada vai faltar mais. Perder é isso mesmo, uma desorientação, um lapso, um vazio, o olho fechado, a escuridão. Não há imaginação que ajude ou valha tanto, o mundo fica turvo, as pessoas se afastam, se vai ficando no fundo, desconsolado, sem palavras, sem gesto. Murcham os braços, encolhe o peito, doem as pernas, os rins não funcionam, a barriga desce, há poucas solidões mais intensas.

Dura nada, um momento, não mais, logo passa e será preciso rever o mundo, as pessoas, o lugar, a si próprio, mas em rigoroso desconsolo. Que palavra sobe, vem à boca, sai na frente?

É sempre a pior, balbuciada, óbvia mesmo que inútil, imprestável, uma das formas do constrangimento. Foi assim com o Moacyr Scliar, meu amigo e comparsa, morto estendido num caixão fechado no salão da Assembléia Legislativa, os amigos à volta com o mesmo embaraço solidário, e eu à frente da Judith. O beijo foi a melhor frase que soube fazer, o abraço foi um novo parágrafo, e então nos olhamos como sobreviventes da mesma perda.

Me esgueirei para um canto, fiquei quieto com uma dor crescente no peito. Não era coração, que dói mais e é pontiagudo, era um sofrimento sem remédio, que ninguém podia ajudar. E assim fiquei um bom tempo, sem palavras.

Perder um amigo é como morrer junto.

 
Outras colunas
30/11/2011   A memória
23/11/2011   Um amigo antigo
09/11/2011   O cerco na Feira
26/10/2011   Muita coisa está mudando
19/10/2011   Companheiro de chope
13/10/2011   Lugar da poesia
05/10/2011   Afinal, o quê?
21/09/2011   Pilchado ou não
14/09/2011   Ah, os carecas precoces!
31/08/2011   O nome dele era Guri
24/08/2011   O livrinho da estante
04/08/2011   Uma distinção juvenil
04/08/2011   Contardo, desculpe
20/07/2011   Gentileza com bailarina
13/07/2011   Tristeza, pra quê?
06/07/2011   Uma direção ou nenhuma
29/06/2011   Ajuste de Mira
15/06/2011   Acalmar-se, enfim
01/06/2011   Olívio Dutra na livraria
18/05/2011   Frio na barriga
11/05/2011   Sem lado
05/04/2011   A foto depois
20/04/2011   Apenas um reencontro
13/04/2011   Sugestões da gripe
06/04/2011   Marlon Brando e eu
30/03/2011   Quase um estranho
23/03/2011   Voar e saber
16/03/2011   Sapato velho
17/02/2011   As férias com nada

   
Colunas de 2012
Colunas de 2011
Colunas de 2010
Colunas de 2009
Colunas de 2008
Colunas de 2007
Colunas de 2006
Colunas de 2005
   
   
 
Depoimentos

25/10/2013
Milton do Prado, Cineasta
 
Admiro
Venho sempre que posso ao Encontros com o Professor. Admiro muito o Ru...
Cultura e educação
O Encontros é realmente muito interessante. É cultura é educação. Serv...
 
Patrocínio

Promoção Apoio Realização